Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

AHHH, é tão verdade.

here in littlebubble, em 21.08.13

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:16

Parenthood.

here in littlebubble, em 14.07.13

Aqui estava eu, com as minhas séries todas já em férias de verão, com absolutamente nada para ver, quando me lembrei de uma série que já andava para ver há algum tempo, mesmo do meu género... Parenthood.

 

 

A história fala acerca de uma grande família, cujos patriarca e matriarca são, respectivamente, Zeek e Camille. São pais de 4 adultos. Adam, o mais velho e ao qual todos os irmãos recorrem pedindo ajuda ou conselhos, é pai de uma adolescente, Haddie, e Max, um miúdo com síndrome  de Asperger. Sarah, retorna a casa dos pais, com os seus dois filhos Amber e Drew, fugindo a um passado e a um ex-marido complicado. O terceiro filho, Crosby é o brincalhão da família e eterno solteirão. A mais nova do clã é Julia, uma advogada de sucesso, com uma filha pequena e um marido stay-at-home-dad.

 

Alguém vê esta série? Eu estou completamente viciada.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

às 22:59

The Americans

here in littlebubble, em 07.06.13
Já ouviram falar desta série?
História:
Dois espiões do KGB vivem como um típico casal americano nos subúrbios de Washington. Vivem numa moradia, trabalham como agentes de viagens, têm dois filhos... De acordo com as exigências do "Centro", representando o governo de Moscovo, eles têm como missão controlar a rede de informações entre os espiões que operam no país. Mas parte deles, apreciam a vida americana, tão mais facilitada em tantos aspectos.
Elenco:
  • Keri Russell - Elizabeth Jennings
  • Matthew Rhys - Phillip Jennings
  • Maximiliano Hernández - Agente do FBI Chris Amador
  • Holly Taylor - Paige Jennings
  • Keidrich Sellati - Henry Jennings
  • Noah Emmerich - Agente do FBI Stan Beeman

 

Avaliação do IMDB:

7,9/10

 

The Americans

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

às 19:06

Cookie sunday

here in littlebubble, em 28.04.13

Enquanto o vento assobia lá fora, cá dentro já se começa a sentir que a casa não está tão fria. Ainda assim não dispenso a minha mantinha. Depois de ir almoçar a casa dos pais, tal como todos os domingos e de ir pôr gasolina (já que parece que vai voltar a subir), vim para casa.

Tenho algumas séries para pôr em dia, nomeadamente uma pela qual me apaixonei: Scandal.

 

Scandal conta a história de Olivia Pope e dos seus associados/detectives/fix-it-all/gladiadores e da forma como fazem tudo pelos seus clientes. O problema é quando a vida pessoal de cada um também tem que ser resolvida. Trata-se de uma história de lealdade e traições, da complexa vida política norte americana e da forma como é tão fácil tornear o sistema através de manipulação e dos jogos de poder.
Mas ao sentar-me no sofá para começar a ver mais um episódio, apeteceu-me uma guloseima. Mas como, devido à minha dieta, não tenho cá nada (aliás ontem, da festa de anos a que fui, apenas trouxe fruta).
Mas como estes desejos às vezes não conseguem ser calados e como também não estou em regime de restrição absoluto e tenho andando de bicicleta e feito os abdominais e os exercícios de pernas e glúteos TODOS os dias (o que é incrível, para mim! Porque não só tenho feito, como tenho vontade de os fazer!), resolvi pesquisar uma receita de bolachinhas para fazer.
Encontrei duas incríveis nos blogs A culpa é das bolachas e Palavras que enchem a barriga, mas como não cá tinha em casa todos os ingredientes necessários, fiz a minha própria adaptação.
60g de açúcar
60g de açúcar amarelo
150g de margarina
1 ovo
100g de farinha
cerca de 60g de raspa de chocolate de culinária
 

Pré-aquecer o forno a 180° C.
Açúcar + Açúcar amarelo + margarina: mexer até textura de creme
  + ovo: mexer
  + farinha: incorporar com colher de pau
  + raspa de chocolate: misturar bem
Forrar tabuleiro de forno com papel vegetal
Formar bolinhas de massa com as mãos e colocar sobre o papel vegetal
Espalmar as bolinhas até obter forma de bolacha
Cozer no forno 15 minutos
Retirar do forno e deixar arrefecer um pouco
Lanchar :)
PS: ficaram um bocadinho grandes, para a próxima a ver de faço bolinhas de massa mais pequenas, mas sinceramente não esperei que crescessem tanto. Enfim, foi só a primeira tentativa! Mas devo dizer que de sabor estão divinais!

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 19:31

A vingança será terrível

here in littlebubble, em 09.10.12

"Doubt is a disease. It affects the minds, creating a mistrust on pepole's motives and one's perception. Doubt has the ability to call into question everything you've ever believed about someone and reinforce the darkest suspections in our inner circles."

 

Super viciada numa nova série: Revenge (pontuação incrível de 8.3 no imdb.com)

 

Revenge - Série
Uma amiga minha, que está sempre dentro de tudo o que diga respeito a lançamentos de novas séries, reviews, vê tu e mais alguma coisa, já me tinha falado nesta série. Disse-me ela que era um pouco como uma novela mexicana, mas que nos agarrava imenso.
Quando começou a dar na Fox(?) pus a box a gravar mas sinceramente tive que recorrer a outros meios porque não conseguia parar de ver...via episódio atrás de episódio, atrás de episódio.
E não é que me agarrou mesmo? E a Emily VanCamp faz um papel incrível! Passou de queridinha do Brothers & Sisters para bad-ass que só pensa em vingança! Adoro mesmo a cara super vingativa que está continuadamente a fazer. E sim, adoro o Nolan! (Só há uma coisa que não percebo...e esta pergunta é para quem vê a série: aparentemente o Nolan tem uma idade aproximada em relação à Emily, ao Jack e ao Daniel, certo? Pelo menos aparenta! Então como é que o pai da Emily apostou na empresa dele antes de ter sido preso? Nessa altura a Emily tinha apenas 5 anos...e portanto o Nolan não seria muito mais velho ...)
^Mais algum viciado por aí?

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 23:15

GLEE's back!

here in littlebubble, em 15.09.12
Glee


Vou agora ver o primeiro episódio da quarta temporada de Glee. Segundo uma amiga minha, a J, que também ela vê esta série (outra mega fanática de séries, muito mais à frente que eu...) esta é daquelas séries que se vê mas não se diz a ninguém. Porque segundo ela são séries de adolescentes. Eu sinceramente não tenho vergonha nenhuma. Gosto de séries, adoro música. Porque não ver Glee?? Até o Glee Project eu gosto de ver! É bom ver novas versões de músicas que gostamos. É bom conhecer novas músicas com o Glee.


Quarta temporada, aí vou eu!

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:04

Finais Felizes?

here in littlebubble, em 13.09.12

Nos últimos dias que me separam de mais um início de uma nova temporada das minhas séries favoritas (excepto, é claro, o The Game of Thrones que só regressa em 2013.......), decidi iniciar mais uma série:

 

Happy Endings
Happy Endings.
Uma série que fala de fins e inícios e relações tomadas como garantidas e procura da relação perfeita e amizades e felicidade e infelicidade e finais felizes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

às 21:50

Visitas e aliens (e não visitas de aliens)

here in littlebubble, em 23.08.12

Hoje estava bem.

Dormi muitas horas, acordei com dor de cabeça mas que passou, o trabalho foi escasso de manhã e apesar de ter levado na cabeça apenas pelo simples facto de não estar lá mais ninguém para ouvir, a manhã passou rápida e calma. À tarde tive folga, aproveitei para fazer limpeza a fundo na cozinha e casa de banho, limpei o pó de toda a casa e ahh..esqueci-me de passar a ferro (bem me parecia que me estava a faltar algo), andei de bicicleta, acabei de ver o Falling Skies (mais comentários sobre este assunto em baixo), descansei, adiantei a organização das coisas da viagem às capitais da Europa que já andava a adiar há muito tempo...enfim, tratei de uma série de coisas e estava bem.

Mas ele veio cá a casa depois de jantar buscar umas cartas que chegaram no correio. Acho-o sempre magro, mas lindo, mas nem foi esse o problema. O problema foi que quando estava a ir embora, mandou-me um beijinho da entrada, já com a porta semi-cerrada como costumava fazer todos os dias de manhã ao sair de casa. Exactamente igual. E fechou a porta. Exactamente igual. E eu fiquei parada a olhar para a porta sem saber como reagir. E a seguir corri para a janela do quarto, já com os estores semi cerrados e espreitei-o, enquanto se ia embora.........

 

...Hey, remember me? I remember you, walking away.... (just came to my mind)

 

.............e ele olhou para trás, para a janela.

Às vezes sinto-me uma parvinha, mas a verdade é que o beijo atirado da porta, que me soou tanto a familiar, aliado com o facto de ter olhado para trás, para a janela, enquanto eu olhava para ele, mexeram comigo. E fiquei a sentir um vazio tão grande... Quem disse que as coisas do coração são coisas fáceis de lidar?

Sim, estou melhor quando não o vejo nem falo com ele. Mas simplesmente não o sei afastar da minha vida definitivamente. Acho sempre que pode precisar de mim. E como tal, mantenho contacto não por mim ou pelos meus sentimentos, mas por ele e pelas suas necessidades.

Sim, sou uma parvinha que aqui anda. Mas ele também não é o monstro que possa transparecer pelas suas acções. Simplesmente o amor por mim acabou, ou desvaneceu-se no tempo, ou sei lá.

 

Mas agora acho que tenho que pensar em mim e no que preciso, uma vez na vida.

 

Quanto ao Falling Skies, gostei do rumo que as coisas estavam a ter. Quando vi Charleston destruída, fiquei com medo que tivesse sido mais uma parvoíce da série, mas não, sempre havia uma comunidade lá. E achei particularmente piada ao facto de o Mr. Locke (para mim vai ser sempre o Locke) ser o mega boss dessa comunidade.

Melhor momento do episódio final: a corrente humana em torno do Ben e do seu amigo skitter-de-olho-vermelho.

Achei estúpido, por outro lado, o Hal ter ficado com "parasitas"... Tinham que arranjar uma estupidez para o final da série não era? Não bastava já um Mason ligado aos bichos, agora outro? Grrr..

Quanto à pergunta final: ally ou enemy? Para mim é ally. Nenhum enemy se punha sozinho em frente àquela gentalha toda e ainda por cima abria a viseira. E depois, era para destruir este outros aliens (que já não parecem peixes mas sim macacos) que os fish-heads tinham fabricado aquela máquina destruidora. Este é o meu palpite.

Quanto ao que se espera da terceira season, sinceramente não entendo a necessidade da 2nd Mass sair de Charleston o mais rapidamente possível. Afinal, agora que resolveram as diferenças e os combatentes são uns heróis e independentemente de o Tom Mason não querer ser político, não quer dizer que não possam ficar... Afinal ali têm comida decente, caminha lavada e afinal, vem um baby a caminho...

De qualquer forma, a qualidade tem vindo a crescer e já vai longe os efeitos (pouco) especiais da primeira temporada. Esta segunda, sem dúvida, foi melhor.

Agora é esperar!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 00:25

Balanço da semana I e cantorias enquanto pedalo.

here in littlebubble, em 20.08.12

Depois de rever o meu food journal da semana passado, há a concluir que passei do modo "não me apetece comer nada" para o modo "comer para esquecer" e se quero que o meu caminho volte aos carris, tenho que me concentrar em mim. Tenho estado bem esta semana, apesar dele ter estado cá em casa a buscar umas coisas mais. Apenas chorei uma vez, que me lembre, e foi ao som do João Só e da Lúcia Moniz com a "Sorte Grande" que eles têm em cantar uma música que fala de um amor como eu quero para mim.

Mas voltando à semana I, considero que em termos de exercício não foi mau de todo, visto ter andado de bicicleta bastante vezes. Se bem que, agora tendo terminado a minha série-de-ver-enquanto-se-anda-de-bicicleta, The Glee Project, não sei o que ver enquanto ando. Preciso de uma série que seja mais light, que não implique atenção ao enredo...e o Glee Project parecia-me perfeito. Tenho que arranjar uma série substituta para ter vontade de pedalar.

 

The Glee Project - season 2
Quanto à comida, claramente tenho que cortar no hidratos de carbono, principalmente à noite, deixar de comer batatas fritas (não tenho mais em casa nem vou comprar para evitar tentações), evitar de comer por impulso ou arranjar alternativas mais saudáveis e menos calóricas para os meus ataques de fome.
Também já decidi comer apenas uma coisa "má" por dia. Se o fizer logo de madrugada, azar. Está feito para o dia inteiro.
Vamos ver como me safo na semana II.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 22:25

Previously on Desperate Housewives.

here in littlebubble, em 21.07.12

Fim.

Acabei de ver agora o último episódio da última temporada de Desperate Housewives.
Independentemente do interesse, do prolongar eterno da série, inserindo mais dramas e mais factos onde já sobrava tema, trata-se de uma série que já acompanhava há algum tempo e, como tal, sabendo que a série acabou, resolvi acabar de ver todos os episódios.
Gostei do último episódio duplo. Pareceu-me que encerrou todas as tramas e perguntas que foram ficando. Mostrou o rumo das personagens e acabou ao bom estilo da série. Com mais um mistério.
SPOILER: Só para dizer que gostei imenso que o Tom e a Lynette tivessem acabado juntos (eu sei que é uma série e tinha que acabar bem, mas ele tinha outra e ambos já estavam conformados com o divórcio...). E gostei particularmente do discurso do Tom.
Tom Scavo: At the end, before I left, our problems look this big. So I went away. But now i realize they only seem that way, because we are so closed up against them and they were blocking me from seeing how much I love you. I see it now and I needed to tell you that because you have to say this things while you still can.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

às 16:24


...retalhos de pensamentos, post its de emoções, pedaços de músicas, imagens que falam comigo e tudo mais aquilo que fizer a minha mente fervilhar...

E sobre mim...

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Novembro 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30



Back there

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D